(15) 3565-1365 Central de Atendimento
Product ID: 299
Product SKU: 299
New In stock />
Picolinato de Cromo 250mcg + Faseolamina 500mg com 120 cps

Picolinato de Cromo 250mcg + Faseolamina 500mg com 120 cps

Disponibilidade: Disponível em 2 dias úteis
aguarde, carregando preço...
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Picolinato de Cromo

O Cromo é um mineral essencial ao organismo. Os processos de refino industrial dos alimentos refinam o cromo, sendo recomendada sua suplementação. Além de ser usado no tratamento de obesidade, diabetes, colesterol e envelhecimento, o Cromo é recomendado para praticantes de exercícios físicos. Fontes (de Cromo) As principais fontes deste são: oleaginosas, aspargos, cogumelos, ameixa, cereais integrais, carnes, vísceras, leguminosas e vegetais

Descrição

O Picolinato de Cromo é uma forma orgânica e completamente biodisponível de Cromo, apresentando uma atividade de em média 120mg de Cromo em cada grama de Picolinato.

Propriedades

O Cromo encontra-se distribuído principalmente nos cabelos, baço e rins. O coração, pulmão, pâncreas e cérebro também contêm Cromo, mas em concentrações menores.

O Cromo ativa várias enzimas envolvidas no metabolismo da glicose e síntese de proteínas, principalmente a insulina. De fato, o Cromo é um mineral que participa da biossíntese, desse hormônio, participando também do seu aproveitamento pelas células durante o transporte da glicose. Vários estudos documentam a utilização do Cromo em diversos distúrbios, endógenos, incluindo distúrbios do colesterol, glicose, diabetes, obesidade e envelhecimento.

Mecanismo de Ação

Este mineral age potencializando a ação da insulina e é, portanto, fundamental para a manutenção da função desse hormônio. O mecanismo pelo qual o cromo potencializa a ação da insulina ainda não está totalmente esclarecido na literatura, mas ele pode aumentar a fluidez da membrana celular, facilitar a ligação da insulina com seu receptor e a internalização da mesma. O seu papel no metabolismo lipídico parece estar relacionado com o aumento das lipoproteínas de alta densidade (HDL) e redução do colesterol total e das lipoproteínas de baixa densidade (LDL, VLDL) em indivíduos com valores inicialmente elevados. Durante o exercício o cromo é mobilizado de seus estoques orgânicos para aumentar a captação de glicose pela célula muscular, mas sua secreção é muito mais acentuada em presença de insulina. Um aumento da concentração de glicose sanguínea induzida pela dieta estimula a secreção de insulina que, por sua vez provoca maior liberação de cromo.

Indicações

Deficiência de Cromo

Como suplemento nutricional

Distúrbios do colesterol e triglicéride

Diabetes melito e diabetes não-insulino dependente

Obesidade.

Posologia: 1 cápsula 2 vezes ao dia antes das refeições

 

Faseolamina 500mg

Extraída da planta Phaseolus vulgaris (feijão comum ou feijão branco), é uma glicoproteína que funciona como um inibidor da enzima alfa-amilase, com efeitos clinicamente comprovados na inibição da digestão e na absorção do amido. Inibe a enzima alfa-amilase e impede a absorção de carboidratos. Indicada em casos de obesidade (associação com a cassialamina) e em dietas para redução de lipídeos séricos. Ao contrário dos antigos produtos para perda de peso, que continham cafeína ou anfetamina e produziam efeitos colaterais indesejáveis, a faseolamina atua de forma diferente. Ligando-se à enzima alfa-amilase, inibe a digestão do amido (que contribui aproximadamente com um terço do total de calorias ingeridas), que desta forma não é absorvido deixando de adicionar calorias a dieta. Cada grama de faseolamina neutraliza 2.250 calorias de amido, in vitro. Estudos clínicos constataram que o inibidor de alfa-amilase (faseolamina) provocou a inativação de amilases, in vitro, e diminui a digestão de amido sólido de forma doedependente. A perfusão do inibidor no duodeno de humanos rapidamente inibiu de 94% a 99,9% da atividade intraluminal da amilase.

Portanto, é eficaz em dietas de emagrecimento, para reduzir absorção de calorias provenientes de amido. Além disso, mostrou-se benéfico no tratamento de diabetes melito em pacientes não dependentes de insulina.

EFEITOS POSITIVOS DA FASEOLAMINA 

Reduz a absorção de carboidratos

Ajuda no combate à diabetes, diminuindo a taxa de açúcar no sangue

Melhora a saúde do intestino

Auxilia nas dietas de emagrecimento.

 

Toxicidade/Contraindicações: Diarreia ocorreu no primeiro dia de tratamento, mas cessou nos dias subsequentes.

Em outro estudo, o inibidor de amilase provocou diarreia apenas em dosagens maiores, e em dietas que continham apenas amido.

A diarreia não foi observada quando a dieta continha também gorduras e proteínas.

Contraindicada para mulheres grávidas, diabéticos insulina dependente e indivíduos insulina dependente.

 

Posologia: 1 cápsula antes do almoço e 1 antes do jantar.

 

Produto autorizado para comercialização em todo o território nacional através do anexo I da RDC 27/2010, em conformidade com a RDC 23/2000 da ANVISA.

 

Referências:

https://www.dermomanipulacoes.com.br/assets/uploads/Faseolamina.pdf

The Merck Index: Editora Merck & Co, INC 12ªedição, 1996, Pág. 375.

A Revolução dos Nutrientes:José Gilberto Peres de Moura, 2ª edição. Págs. 86-7 3. http://altmedicine.about.com/od/herbsupplementguide/a/chromiumsideeff.htm.

http://www.food.gov.uk/multimedia/pdfs/vitmin2003.pdf

MOURA, J.G.P. Nutrientes e Terapêutica. Pelotas/RS: Visão Artes Gráficas, 2ª Ed. 2009.

SWEETMAN, S.C; et al; MARTINDALE – Guia Completo de Consulta farmacoterapeutica. Barcelona. 2ª Ed. 2005. 7.

 OLIVEIRA, J.E.D; MARCHINI, J.S. Ciências Nutricionais. São Paulo: Sarvier, 1998.

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


Produtos Visitados

CNPJ: 00.934.025/0001-62. Farmacêutico Técnico Responsável: Igor Vinicius Furtado - CRFSP 93065. Autorização de Funcionamento de Empresa(AFE) - 7.14.08 Licença Sanitária - 352280201-477-000025-1-8